Cidadão Capaz

Petrobras

O Projeto Cidadão Capaz foi criado e é desenvolvido pela Petrobras, promovendo a adaptação de postos de combustíveis para que pessoas com deficiência possam ser empregadas. 

Esta é uma forma de estimular a inclusão social de pessoas com deficiência, reconhecendo a sua capacidade.


O Instituto Percepções atuou na contratação de pessoas com deficiência, treinamento e verificação dos níveis de acessibilidade nas seguintes unidades do projeto Cidadão Capaz:

> Rio de Janeiro - RJ

> Brasília - DF

> Valinhos - SP

> Vitória - ES

> Belém - PA

> Pelotas - RS

> Maringá - PR

> Porto Alegre - RS

> Caxias do Sul - RS

Cidadão Capaz 

O Projeto Cidadão Capaz teve início em setembro de 2002 e, desde então, promove a adaptação de postos Petrobras às condições necessárias para que pessoas com deficiência possam ser empregadas na rede. 

Através do projeto, as pessoas com deficiência colocam em ação o pleno exercício da cidadania, que é um direito de todos, realizando atividades comuns no posto como: abastecimento, lavagem de veículos e atendimento em lojas de conveniência. 

Estimulando a inclusão social desses trabalhadores e reconhecendo sua competência profissional, o projeto já foi agraciado com prêmios como o Top Social ADVB Rio 2005 e FGV-EAESP Responsabilidade Social no Varejo 2004. 

Adequação 

A inclusão do trabalhador no espaço de trabalho exige a adequação de cada área do posto às potencialidades individuais, segundo padrões estabelecidos com base na NBR-9050/1994 - Acessibilidade de pessoas portadoras de deficiências a edificações, espaços, mobiliários e equipamentos urbanos e demais literaturas sobre o assunto. 

Os postos são adaptados e acrescidos de itens de segurança como faixas sinalizadoras nas pistas, rampas com corrimão, circulações mais amplas e adaptação de sanitários e vestiários. 

A Petrobras Distribuidora conta com consultorias que trabalham com a inserção destes cidadãos no mercado de trabalho, para uma revisão das adaptações necessárias feitas nos postos da Companhia. Assim, a Petrobras garante qualidade e segurança para que as pessoas com deficiência possam desenvolver suas tarefas adequadamente. 

Apoio

O Instituto Percepções de Responsabilidade Social desenvolve o processo de contratação produtiva de pessoas com deficiência e validação das condições de acessibilidade física.

Os candidatos são selecionados segundo o modelo de contração produtiva de pessoas com deficiência, desenvolvido pelo Instituto Percepções de Responsabilidade Social. 

Nesse modelo, os candidatos são avaliados segundo o tipo e grau de deficiência e sua compatibilidade em relação às funções e atividades desenvolvidas no dia-a-dia de um posto de combustíveis. 

Integração 

Os profissionais com deficiência participam de um treinamento visando à execução plena de tarefas e atendimento aos procedimentos de segurança. 

Um workshop de integração é realizado com a equipe de trabalho, incluindo os gestores do posto e as pessoas com deficiência recém contratadas. 

“A acessibilidade física é importante para a inclusão profissional de pessoas com deficiência, porém outro aspecto fundamental é a promoção da acessibilidade atitudinal, ou seja, a integração plena de todas as pessoas que estarão convivendo no mesmo ambiente, buscando e respeitando o entendimento da diversidade. Não basta incluir a pessoa com deficiência sem assegurar as condições para sua manutenção e evolução no posto de trabalho. O Projeto Cidadão Capaz alcança esse objetivo social”, afirma Marco Vitale, presidente do Instituto Percepções. 

 

Projeto Cidadão Capaz Caxias de Sul
Projeto Cidadão Capaz Caxias de Sul

Projeto Cidadão Capaz Caxias de Sul
Projeto Cidadão Capaz Caxias de Sul

Projeto Cidadão Capaz Maringá
Projeto Cidadão Capaz Maringá

Projeto Cidadão Capaz Caxias de Sul
Projeto Cidadão Capaz Caxias de Sul

1/6

Foto: Marco Vitale